Internacional

Suécia quer que população mantenha trabalho à distância até 2021

A medida busca diminuir a aglomeração de pessoas nos transportes públicos. Além disso, tornar mais fácil o trabalho de quem atua em serviços considerados essenciais

diario da manha
Foto: All The Free Stock

O governo sueco solicitou nesta quinta-feira (30) que a população continue realizando suas ocupações de forma remota. A Suécia quer a permanência das atividades à distância até o dia do Ano Novo. A medida busca diminuir a aglomeração de pessoas nos transportes públicos. Além disso, tornar mais fácil o trabalho de quem atua em serviços considerados essenciais. As informações são da agência AFP e foram publicadas pela revista IstoÉ.

Adesivo da Prefeitura de Estocolmo, capital da Suécia, alerta: “Somos muitos os que apreciam as ruas no verão. Lembre-se de manter a distância”. – Foto: AFP

Conforme a reportagem, a Suécia conta com um dos maiores índices de contágio da Covid-19 da Europa. Foram registrados 318 novos casos de pessoas contaminadas nas últimas 24 horas. O país contabiliza 80.100 pessoas infectadas. Apesar disso, as autoridades identificaram uma queda do número de casos. Inclusive os graves, que necessitam de cuidados maiores.

Todavia, a agência de saúde pública ressaltou que “se os casos aumentarem de novo, há um risco considerável de maior propagação (do coronavírus) durante o outono (período de primavera no Brasil)”.

De acordo com a matéria, mesmo com 5.739 mortes ocasionadas pela Covid-19 a Suécia não estabeleceu confinamento à população. Ela manteve abertas as escolas para estudantes abaixo de 16 anos anos. Assim como cafés, bares e restaurantes. Além disso, é pedido somente aos profissionais de saúde que utilizem máscaras de proteção.

Comentários