DM Autos

Ford Ranger fecha o mês de junho com vendas em alta

Picape da linha 2020 mostra força também na participação de mercado.

diario da manha

A Ford Ranger fechou o mês de junho na liderança do segmento de picapes médias, com 1.736 unidades emplacadas. Outro marco importante alcançado pela picape nesse mesmo foi a participação de mercado de 24,6%, a maior da sua história.  

A Ford atribui o crescimento das vendas da sua picape média, a partir do lançamento da linha 2020, as inovações feitas no modelo e que foram muito bem recebidas pelos consumidores.

Novo design

Além do novo design dianteiro, a Ford Ranger ganhou suspensão recalibrada e um sistema que facilita a movimentação da tampa da caçamba. A picape recebeu ainda tecnologias exclusivas na versão atual, lançada em 2019.

A Ford Ranger oferece alguns equipamentos que são exclusivos na categoria. Dentre eles, estão o sistema de frenagem autônoma com detecção de pedestres e reconhecimento de sinais de trânsito. A lista inclui ainda piloto automático adaptativo e sistema de permanência em faixa.

“A Ford Ranger tem hoje o conjunto mais completo para atender tudo o que o cliente quer. Seja em termos de desempenho, conforto e tecnologia como de custo de posse. As picapes estão sofrendo menos os efeitos do isolamento e a Ranger é o seu principal expoente. A picape retorna ao mesmo patamar de vendas do período pré-Covid”, diz Reinaldo Faga, diretor de Vendas da Ford.

Ford Ranger: Ações nas revendas também contribuíram para o resultado de junho

As ações da Ford e da sua rede de concessionárias para proporcionar comodidade e segurança aos clientes durante a pandemia também contribuíram para esse resultado.

Como, por exemplo, o Compre Sem Sair de Casa, o financiamento com carência de 90 dias e parcelas reduzidas até dezembro de 2021, os novos protocolos de higiene nas revendas, o serviço de desinfecção de veículos Ford Clean e o Serviço Sem Sair de Casa.

Nas versões intermediárias, onde mantém uma folgada dianteira, a Ranger reforçou ainda mais a sua liderança em junho, chegando a mais de 50% das vendas com os modelos XLS. Nas versões topo de linha, a Ranger ficou com 15,4% de participação com as versões XLT e Limited. Essas versões combinam a performance do motor 3.2, tecnologias exclusivas de condução semiautônoma e o que há de mais avançado em conforto e segurança.

Versão Storm

A nova Ranger Storm, que teve lançamento virtual em plena pandemia, tem recebido ótimas avaliações tanto por parte dos especialistas como dos consumidores, também colaborou para o sucesso da linha.

Comentários