Saúde

Covid-19: municípios recebem menos de 10 doses do imunizante

Em Goiás, o número de infectados ultrapassa 500 mil, no qual houve 12 mil mortes

diario da manha
(Foto: Amanda Perobelli/Reuters)

O Conselho de Secretarias Municipais de Saúde Goiás (Cosems) alerta sobre o baixo recebimento de doses do imunizante. Além disso, a presidente da Cosems, Verônica Savatim, secretários de saúde relatam que algumas ampolas de vacinas contra a covid-19 tem menos doses que o previsto.

Por outro lado, o secretário de saúde de Goiás, Ismael Alexandrino, explicou que os déficits devem ser informados ao estado. Segundo ele, as empresas que fazem o envasamento dos imunizantes precisam esclarecer onde estaria o problema.

“Apelo que fazemos é que os números podem não representar a totalidade de vacinas recebidas porque tivemos muitas doses perdidas. O que são essas doses perdidas: frascos de vacinas que deveriam ter 10 e vieram 9, 8 doses e alguns que vieram com 7 doses, principalmente nas duas ultimas pautas enviadas”, explicou Verônica ao G1.

Além disso, o Secretário de Saúde de Goiânia, Durval Pedroso contou que a capital recebeu 4.016 doses a menos do imunizante. Por outro lado, Ismael ressalta a importância da informação sobre o fato para que as doses sejam repostas.

Ainda na reunião, Goiás recebeu 1,2 milhão de doses de vacinas contra a covid-19. Das quais, 1.051 milhão são da CoronaVac e 182 mil da AstraZeneca.

Comentários