Saúde

Pesquisa aponta que isolamento social é um período mais saudável

Uma pesquisa realizada pela startup Behup, entrevistou 1.561 pessoas para saber como elas estão se sentindo nesse período

diario da manha

Com o isolamento social devido a pandemia do coronavírus, o brasileiro está mais estressado, comendo mais que o normal, no entanto, acredita-se que é um período mais saudável. Uma pesquisa realizada pela startup Behup, entrevistou 1.561 pessoas que refletem o momento atual.

60,3%, dos entrevistados estão “um pouco mais” ou “mais” ansiosos, 59,7% se sentem “um pouco” ou “mais” entediados e 53,8% se consideraram “um pouco mais” ou “mais” estressados do que o normal. Por outro lado, 63,2% concordaram que a saúde está “melhor” ou “muito melhor” e 39,1% disseram se sentir “um pouco mais” ou “muito mais” saudáveis.

No entanto, devido o tempo livre, 49,8% estão comendo “mais” ou “muito mais” do que o normal e 42,5% relataram estar se exercitando “menos” ou “muito menos”.

O equilíbrio do trabalho com os cuidados domésticos e enfrentar a incerteza sobre à economia geram ansiedade e estresse. Só que também 56% alegaram que o volume de trabalho remunerado diminuiu.

O diretor de Public Affairs da Behup, Danilo Cersosimo, explicou em entrevista à BBC que o isolamento social freou a rotina e, sem perder horas no engarrafamento ou levando as crianças à escola, o brasileiro conseguiu mais tempo para cuidar da própria saúde.

*Com informações do Metrópoles

Comentários