Cidades

Vereadora nega impedimento de concurso em Rio Verde

diario da manha
Foto: Reprodução

A informação que circula de que os parlamentares de Rio Verde, a 238 quilômetros de Goiânia, região sudoeste do estado, de que eles impediram a realização de concurso público na cidade foi desmentida pela vereadora Lúcia Batista (PRP).

Conforme a parlamentar a Lei de Diretrizes Orçamentarias (LDO) a qual foi aprovada permite a realização de concursos públicos no município. Durante a sessão plenária desta tarde, a parlamentar voltou a falar da LDO e afirmou que o prefeito pode fazer o processo seletivo até abril do próximo ano.

Durante a sessão outros parlamentares falaram sobre o caso, um deles foi o vereador Elecir Casagrande do Solidariedade (SD) que justificou o voto, ao afirmar que não concordava com mentiras, que votou contra o projeto, pois o governo municipal faltou com a verdade, pois não foi contra concurso, foi para não desempregar 2.200 pais de famílias.

De acordo com o parlamentar o projeto previa tirar a autonomia de diversos órgãos, inclusive da Universidade de Rio Verde (UniRV). Quem também citou essa tirada de autonomia dos órgão foi a vereadora Lúcia, a qual inclusive durante a sessão declarou que vai fazer um boletim de ocorrência contra colegas da casa.

A parlamentar enviou documentos que mostram que o prefeito poderia e ainda pode fazer concurso público conforme previsto por lei. Vale ressaltar que existem ressalvas quanto a contratação e exoneração de servidores para cargos comissionados, os quais pela lei é de livre nomeação.

Comentários