Política & Justiça

Regina Duarte alega falta da família e deixa o governo

diario da manha

Depois das saídas de Luiz Henrique Mandetta demitido do Ministério da Saúde (MS), Sergio Moro que pediu demissão do Ministério da Justiça e Segurança Publica (MJSP) e de Nelson Teich que pediu demissão do MS com menos de um mês no cargo, nesta quarta-feira foi a vez de Regina Duarte deixar o governo do presidente Jair Bolsonaro.

A atriz foi convidada para assumir Secretaria de Cultura do governo em março deste ano, mas diversas criticas de colegas do meio, geraram uma estabilidade. Inclusive com informações divulgadas em outros portais de notícias de que ela estaria próxima a deixar o governo.

Na manhã desta quarta-feira (20) a até então Secretária de Cultura esteve com o presidente Bolsonaro. No vídeo gravado em que os dois aparecem, Regina Duarte questiona se Bolsonaro a está fritando. E em risos o presidente diz que isso não é verdade.

Regina Duarte afirma no vídeo que recebeu o convite para atuar na cinemateca em São Paulo e aceitou o desafio. A atriz revela que aceitou o convite pela proximidade dos filhos e da família e que está sentindo muita falta deles. Veja o vídeo:

Comentários