Política & Justiça

PSDB de São Paulo formaliza o pedido de expulsão de Aécio Neves

O Deputado Aécio Neves é acusado por corrupção e obstrução de justiça. O PSDB de São Paulo irá debater a expulsão de Aécio nesta quarta=feira (21)

diario da manha
Foto: Reprodução

Nesta quarta-feira (21), o PSDB decidirá se abrirá processo que pode levar à expulsão do deputado Aécio Neves (PSDB-MG). A reunião acontecerá em Brasília, na sede do partido, às 14h30.

Aécio é acusado por corrupção e obstrução de justiça. O processo ao qual ele responde corre na Justiça Federal em São Paulo. Desde então, o deputado é pressionado para sair do partido.

A denúncia contra Aécio foi apresentada pelo ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot, e recebida pelo Supremo Tribunal Federal (STF) em abril de 2018. . A irmã do deputado, Andréa Neves, um primo dele e um assessor parlamentar também são acusados de corrupção passiva.

O réu teria prestado favores políticos a Joesley Batista, do Grupo J&F, que afirmou ter pago propina no valor de R$ 2 milhões ao deputado. Aécio nega as acusações.

“A meu ver, o deputado Aécio Neves tem todo o direito a formular a sua defesa na plenitude, confiante na sua inocência, e confiante também na Justiça, mas pode fazê-lo fora do PSDB”, afirmou nesta terça (20) o governador de São Paulo, João Doria.

Nesta quarta (21), o partido decidirá se dá sequência aos pedidos de expulsão de Aécio. Se decidir abrir o processo, o caso será encaminhado ao conselho de ética do partido.

*Com informações do G1

Comentários