Política & Justiça

Ala progressista quer aliança entre PDT, PT, PCdoB e PSol

diario da manha
Membro do Diretório Nacional, Jordaci Matos(FOTO:DIVULGAÇÃO)

Com a presença de Ciro Go­mes [CE], candidato do PDT à Presidência da República, em 2018, e do presidente nacional da sigla, Carlos Lupi [RJ], em ato de pré-lançamento, em Goiânia, a Ala Progressista, gauche, da le­genda, em Goiás, fará um apelo para que o partido celebre alian­ças políticas e eleitorais no pri­meiro turno da corrida ao Palácio das Esmeraldas, com PT, PCdoB, PSol. É o que afirma o membro do diretório nacional trabalhis­ta, Jordaci Matos, líder popular.

– O PDT deveria caminhar, em Goiás, com legendas com que pos­sui identidade programática.

O dirigente defende a reeleição de Flávia Morais à Câmara Federal. Mais: ele rejeita também a possibi­lidade de um eventual acordo es­tadual com o senador da Repúbli­ca Ronaldo Caiado [Democratas]. O trabalhista lembra que será ne­cessário a formação de um amplo palanque em Goiás. Para Ciro Go­mes crescer nas pesquisas de opi­nião pública, herdar os votos de Luiz Inácio Lula da Silva, no Cen­tro-Oeste, caso o petista seja im­pedido de disputar o pleito, frisa.

– Esse deveria ser o caminho dos herdeiros do ex-governador do Rio de Janeiro Leonel Brizola.

 

Comentários