Política & Justiça

Obama indica Eric Fanning, gay assumido, a primeiro-secretário do exército

O anúncio chama atenção pelos diversos casos de preconceito envolvendo militares homosexuais e mulheres que servem aos Estados Unidos

diario da manha

Em anúncio feito nesta sexta feira (18), pelo presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, o assessor do secretário de Defesa, Ashton Carter, foi indicado ao cargo civil mais importante do exército americano. O seu nome é Eric Fanning, homosexual assumido.

Obama tenta quebrar paradigmas desde a sua chegada à presidência, e desta vez não seria diferente. O combate a preconceitos é um de seus fortes marcos. Casos de opressão racial e de gênero são frequentes dentro do campo militar dos EUA.

Fanning deve substituir John McHugh, o atual secretário do exército, caso seja nomeado.

O secretário de Defesa dos Estados Unidos parabenizou Fanning pela conquista, ressaltando o prazer em ter trabalhado a seu lado e vê-lo exercer com excelência o cargo como servidor público. Obama também reconheceu em comunicado.

“Anos de provada experiência e liderança excepcional”, disse o presidente ao referir-se a Eric.

Comentários