Economia

Zona do euro: taxa de desemprego sobe a 7,8% em junho, como previsto

diario da manha
Foto: Reprodução
Por Sergio Caldas

A taxa de desemprego da zona do euro subiu marginalmente entre maio e junho, de 7,7% para 7,8%, segundo dados com ajustes sazonais divulgados nesta quinta-feira pela agência oficial de estatísticas da União Europeia, a Eurostat. A leitura de maio, no entanto, foi revisada para cima, de 7,4% originalmente.

O resultado de julho ficou em linha com a expectativa de analistas consultados pelo The Wall Street Journal e mostra que esquemas provisórios lançados por governos do bloco para proteger o mercado de trabalho em meio à pandemia de coronavírus estão conseguindo limitar o avanço do desemprego.

A Eurostat estima que havia 15,023 milhões de desempregados na zona do euro em junho. Em relação a maio, o número de pessoas sem emprego na região teve aumento de 203 mil.

Comentários