Esportes

Grêmio Anápolis vai para final inédita contra o Vila

Em um jogo dramático a Raposa faz história ao chegar pela primeira vez a final do Goianão

diario da manha
Raposa vai para final contra o Vila Nova. Foto; reprodução da FGF.

O Grêmio Anápolis venceu o Atlético Goianiense nas cobranças de pênaltis, neste domingo, 9, no Estádio Antônio Accioly. A partida marcou o jogo de volta das semifinais do Campeonato Goiano 2021. Com a vantagem do empate, a Raposa chegou a abrir o placar, mas sofreu a virada do Dragão, a partida foi para as cobranças de pênaltis, em que João Paulo acabou carimbou o travessão e de quebra deixou o time rubro-negro fora da final do campeonato.  

A Raposa entrou em campo com vantagem do empate sobre o Dragão, uma vez que venceu o jogo de ida pelo placar de 1 a 0. O Grêmio Anápolis chegou a sair na frente no placar, com gol marcado por Ronaldo, mas sofreu a virada.

A partida foi para os pênaltis, e somente na 12ª cobrança que o time de Anápolis conquistou a vaga para uma final histórica contra o Vila Nova. A Raposa enfrentará o Vila Nova, o primeiro jogo será em Anápolis, e o segundo em Goiânia. 

Primeiro tempo

Precisando da vitória, o Dragão tomou a iniciativa de avançar a marcação para reverter o resultado, quanto a Raposa e todo no campo ofensivo para segurar os donos da casa. Em uma recuada, Zé Roberto ficou de frente para o gol, mas o zagueiro Danrlei desarmou para o alívio do time de Anápolis.

O Dragão estava todo no ataque e quase abre o placar com Dudu, que chutou de dentro da área, mas o goleiro Jordan fez uma grande defesa. E aos 28 minutos, em um contra-ataque, Ronald tocou para Lucão, que chutou forte e Fernando Miguel defendeu para os rubro-negros.

A Raposa começou a se soltar aos poucos na partida, e aos 36, Lucão saiu na cara do gol, mas acabou chutando em cima do goleiro Fernando Miguel. O Dragão pressionou nos minutos finais da primeira etapa, mas não conseguiu furar a marcação e acabou indo para o intervalo com o empate, que favorece a classificação da Raposa para a final do campeonato. 

Grêmio Anápolis vai para a final

O segundo tempo começou com os donos da casa indo para cima da Raposa, mas pecando nas finalizações. O time visitante é todo ofensivo com uma marcação forte e apostando nos contra-ataques. E aos 9′ minutos, o Dragão chegou com João Paulo, que arriscou na entrada da área, mas a bola passou rente ao travessão do gol de Jordan.

Em um lançamento do goleiro Jordan, em que Lucão tocou de cabeça, e a bola acabou sobrando para Ronald dentro da área que bateu cruzado para o fundo da rede, e abriu o placar para a Raposa 1 a 0.   

Aos 43, o Dragão virou o jogo após João Paulo chutar cruzado na linha de fundo e contar com uma falha do goleiro Jordan para levar a decisão para as penalidades. Com o gol o time rubro negro pressionou a Raposa, mas acabou a partida terminou com o placar de 2 a 1 e a decisão foi para os penaltis. Apenas na 12ª cobrança da série alternadas, João Paulo acertou o travessão, e a Raposa conquistou a vaga para a final inédita contra o Vila Nova. 

Ficha técnica

ACG: Fernando Miguel; Dudu, Eden, Nathan e Igor Cariús; Willian Maranhão, Marlon Freitas e João Paulo; Janderson, Arthur Gomes e Zé Roberto. 

Técnico: Jorginho.

GRE: Jordan;Yan Santos, Gut, Danrlei e Mateus Rodrigues; Lúcio, Gabriel Vidal e Vitor Braga; Ronald, Lucão e Matheus Martins. 

Técnico: Cléber Gaúcho. 

Árbitro: Osimar Moreira.

Comentários