Esportes

Real Madrid e Chelsea empatam na primeira partida das semis da Liga dos Campeões

Visitantes jogam mais, mas donos da casa garantem empate com gol de Benzema. Ingleses precisam apenas de um empate sem gols para avançar à grande final

diario da manha
Empate deixou a decisão em aberto (Foto: Reuters)

A primeira partida entre Real Madrid e Chelsea pelas semifinais da Liga dos Campeões na tarde desta terça-feira (27), no Estádio Alfredo di Stéfano, em Madrid, acabou empatada por 1 a 1. Pulisic abriu para os ingleses e Benzema empatou para os madrilenhos.

O resultado deixa a segunda partida, no Stanford Bridge, em Londres, na próxima quarta-feira (5), completamente aberta. Um empate sem gols dá ao Chelsea a vaga na grande final em Istambul. Empate pelo mesmo placar da partida na Espanha leva a partida aos pênaltis. Qualquer empate com mais de um gol garante a classificação ao Real Madrid.

O primeiro tempo foi marcado pela chuva torrencial que caía em Madrid e pelo domínio do Chelsea. Os ingleses, melhores na partida, pressionou e quase abriu o placar logo aos nove minutos com Werner, que parou em Courtois.

O goleiro belga parou a primeira, mas não conseguiu defender a segunda chance dos ingleses, aos 13 minutos.Rüdiger deu lindo lançamento para Pulisic, que dominou e invadiu a área espanhola, limpou o goleiro e bateu de direita para abrir o placar.

A partir daí o Real Madrid acordou para o jogo, mas encontrava muita dificuldade para furar a defesa do Chelsea. Mas, mesmo assim, os donos da casa ainda mandaram uma bola na trave com Benzema – que era o recado que o gol estava próximo.

Seis minutos depois do primeiro lance de perigo, os espanhóis empataram. Aos 28, Marcelo jogou na área, Casemiro ajeita para o meio e o francês ajeita e manda uma bomba, sem chances para Mendy.

As emoções no primeiro tempo acabaram depois do gol de Benzema. O Chelsea tentou chegar mas não levou perigo. O Real Madrid pouco produziu e os times levaram o empate para o vestiário.

A segunda etapa manteve a mesma toada. Os visitantes ficaram mais com a bola e chegaram mais ao ataque mesmo com o jogo truncado, mas não conseguiram transformar essa superioridade em gols. O lance mais perigoso dos ingleses foi só aos 33 minutos, em falta cobrada por Ziyech. Do lado espanhol, o cabeceio de Varane, aos 42, foi o que mais assustou, mas não o suficiente para movimentar o placar.

Antes de se enfrentarem novamente pela Liga dos Campeões, Chelsea e Real Madrid se concentram em seus campeonatos nacionais. O time de Londres, quarto colocado do Campeonato Inglês com 58 pontos, recebe o Fulham no sábado (1) às 13h30 (horário de Brasília). Já os madridistas, vice-líderes com 73 pontos, apenas dois atrás do Atlético de Madrid, recebem o Osasuna também no sábado, às 16h (horário de Brasília), pelo Campeonato Espanhol.

Comentários