Esportes

Vila vence Ituano e se classifica para Série B

diario da manha
Biancucchi comemora o gol do acesso — Foto: DIOGO REIS/AGIF - AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDO

O Vila Nova venceu o Ituano por 1 a 0, neste domingo (17), no Estádio Novelli Júnior, em Itu (SP). Jogo valido pela 6ª rodada do Quadrangular Final da Série C do Brasileirão. Com o gol do argentino Emanuel Biancucchi o Tigrão garantiu o acesso para Série B e também vai disputar a final do campeonato com o Remo.

Em um jogo dramático, o time goiano conseguiu a vitória nos 31 minutos do segundo tempo, com Emanuel Biancucchi que com cinco minutos de jogo fez um golaço dando ao Tigrão a classificação para disputar o Campeonato Brasileiro da Série B.

Com  resultado o Tigrão termina na liderança do grupo C, com 10 pontos e vai disputar a final do campeonato com o Remo. Quanto o Brusque ficou com o  segundo lugar com nove, que também esta classificado para Série B.

Primeiro tempo

O time goiano entrou em campo com a missão de vencer o time paulista, e já começou a etapa inicial indo para cima. E aos 4 minutos, Alan Mineiro fica frente a frete com o goleiro Pegorari, mas o bandeirinha sinalizou impedimento do jogado do Vila.

A partir dessa jogada o Ituano conseguiu equilibrar a partida e aos 15 minutos, Matheus Santos da um chute de fora da área, e o goleiro Fabrício espalmou para fora evitando o gol do Galo.

O Tigrão se organiza e passa a ser mais ofensivo, criando varias chances de abrir o placar, mas não conseguia finalizar. Terminando a primeira etapa em 0 a 0.   

Vila retorna para Série B

Os dois times voltaram para o segundo tempo precisando da vitória, e começaram com alterações no intervalo. O time goiano foi logo partindo para o ataque, com o Dudu acertando a trave do gol de Pegorani.

Aos 15 minutos, Bruno Mota recebeu na entrada da área, e solta uma bomba, mas o goleiro Fabrício defendeu. Aos 19, Ituano chegou Bruno Mota, mas acabou chutando por cima do gol do Fabrício.

O Tigrão chegou a balançar o gol com Donato, mas o juiz deu impedimento, após a bola desviar em Henan. E aos 31, o argentino Emanuel Bianccuchi, que tinha acabado de entrar na partida, deu um chute na entrada da área que acabou indo no ângulo do gol de Pegorari, abrindo o placar para o Vila.

O argentino que já tinha um cartão amarelo acabou levando o segundo, após tirar a camisa no momento da comemoração do gol e foi expulso deixando o time goiano com um jogador a menos.

 O time paulista foi todo para o ataque tentando empatar a partida, enquanto o Tigrão se fechou todo e conseguindo a vitória por 1 a 0.    

Escalações:

Ituano: Pegorari; Pacheco, Léo Santos, Suéliton e Breno Lopes; Filipe Souto, Matheus Santos, Correa e Eduardo Lopes, Gabriel Taliari e Marquinho.

Técnico: Vinicius Bergantin.

Vila: Fabricio; Celsinho, Rafael Donato, Saimon e Adaberto; Yuri, Dudu, Pablo Roberto e Alan Mineiro; Talles e Renan.

Técnico: Márcio Fernandes.

Árbitro: Anderson Daronco

Cartão amarelo: Vila: Adalberto, Yuri, Emanuel Biancucchi, Rafhael Lucas, e Pablo. Ituano: Gabriel Taliari e Corrêa.

Cartão vermelho: Emanuel Biancucchi.

Comentários