Esportes

Atlético Goianiense vence Santos fora de casa com golaço de Chico

Atlético Goianiense vence o Santos com um golaço de Chico

O Santos perdeu em casa para o Atlético Goianiense pelo placar de 1 a 0, na Vila Belmiro, em partida válida pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. A vitoria veio no segundo tempo com um golaço do atacante Chico do time goiano.

A equipe goiana venceu pela primeira vez o Santos na Vila Belmiro, com a vitória o Atlético Goianiense quebra a invencibilidade do Peixe que vinha de 12 partidas sem perder no Brasileirão.

O Dragão jogou sem o técnico Vagner Mancini, que foi para o Corinthians Com o resultado o Atlético Goianiense vai para 21 pontos e sobe três posições ficando em 9º. Quanto o time santista se mantém no sexto lugar com 24 pontos.

Primeiro tempo

O Atlético Goianiense começou o jogo sofrendo pressão do Santos na Vila Belmiro, principalmente do lado direito, com cruzamentos de Madson para área, porém os jogadores santistas não conseguia concluir a jogada.

Os dois times no primeiro tempo jogaram sem emoção, e a única chance de gol do Peixe foi de Jean Mota, mas o Jean goleiro do time goiano fez ótima defesa.

Vitoria do Dragão

O Santos voltou para o segundo tempo com varias substituição de Cuca, mas a primeira chance de gol veio do Rubro Negro. Aos 18, o Dragão em um contra-ataque quase muda o placar mas Matheus Vargas perde o gol livre chutando para fora.

Aos 23 minutos Janderson passou por cinco jogadores santistas servindo o meia Chico, que chutou de fora da área no ângulo do gol de João Paulo fazendo 1 a 0. O time santista pressionou no finalzinho do jogo, mas nada adiantou para evitar a derrota.

Na próxima rodada do Brasileirão, o Atlético Goianiense recebe o Athletico Paranaense no próximo sábado, às 19h, no Estádio Olimpico, em Goiânia. Já o Santos enfrenta o Coritiba, no Couto Pereira no mesmo dia e horário. Os jogos válidos pela 17º rodada do Campeonato Brasileiro da Série A.

Escalações:

Santos: Jõao Paulo, Pará, Lucas Veríssimo (Luiz Felipe), Luan Peres e Felipe Jonatan; Diego Pituca, Jean Mota e Arthur Gomes; Madson (Lucas Lourenço), Marinho (Lucas Braga) e Kaio.

Técnico: Cuca 

Atlético-GO: Jean; Dudu, Éder, João Victor e Nicolas; Willian Maranhão, (Matheus Frizzo),, Marlon Freitas, Chico; Janderson, Ferrareis e Zé Roberto.

Técnico: Eduardo Souza

Árbitro: Igor Junior Benevenuto de Oliveira

Cartão amarelo: Santos: Pará, Sandry, Diogo Pituca e Cuca (téc) . Atlético Goianiense: Marlon Freitas e Gustavo Ferrareis

Comentários