Esportes

Com jogadores infectados pela Covid-19, Goiás x São Paulo é adiado

Jogo foi suspenso após dos 23 jogadores relacionados pelo Goiás para a partida, 10 testarem positivo para a doença

diario da manha
Foto: Reprodução

O jogo entre Goiás x São Paulo válido pela 1ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A, foi suspenso pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), após dos 23 jogadores relacionados pelo time goiano, 10 testarem positivo para Covid-19 e desses oito serem do time titular.

A suspensão do jogo acontece após a equipe jurídica do Goiás entrar com um pedido de uma liminar pedindo a suspensão do jogo, que foi apreciada pelo presidente do Supremo Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), que acatou o pedido do time goiano.

A confusão envolvendo a partida entre Goiás x São Paulo começou com o protocolo do Covid-19. Em uma primeira testagem feita, a CBF alegou que os testes feitos por um laboratório, houve erro no armazenamento no material, que prejudicou a análise do material coletado.

Resultados dos testes do time esmeraldino saíram horas antes do jogo entre Goiás x São Paulo

Diante disso a CBF orientou que os testes fossem refeitos e na última sexta-feira (7/8) os jogadores do Goiás foram submetidos a uma nova testagem, e que o resultado ficaria pronto no último sábado (8), no entanto, os resultados só foram divulgados hoje, momentos antes da partida.

Diante da situação envolvendo o clube goiano, o Goiás montou um time às pressas para ir para o jogo. Enquanto isso, o jurídico do time goiano tentou junto a CBF o adiamento do jogo, como a resposta demorou, a saída foi encaminhar um pedido para uma medida cautelar junto ao STJD para adiar a partida.

O São Paulo chegou a entrar em campo para a partida, mas o Goiás recebeu momentos antes a informação de que o pedido para a suspensão do jogo feito junto ao STJD foi acatado. Com a decisão que adiou o jogo, uma nova data vai ser marcada para que a partida entre Goiás x São Paulo possa acontecer.

Goiás: Marcelo Rangel, Yago Rocha, Luiz Gustavo, Heron, Rodrigues, Breno, Daniel Bessa, Thalles, Vinicus Lopes, Victor Andrade e Douglas Baggio.

Técnico: Ney Franco

São Paulo: Tiago Volpi, Juanfran, Bruno Alves, Arboleda, Reinaldo, Tchê Tchê, Daniel Alves, Vitor Bueno, Igor Gomes, Lizieiro e Pablo.

Técnico: Fernando Diniz

Comentários