Esportes

Goiás completa 77 anos de tradição

Fundado em 1943 o Goiás Esporte Clube comemora 77 anos de história como representante de tradição do futebol goiano

diario da manha

Os pilares para estruturar o início de um grande sonho que nasceu de uma brincadeira entre amigos nas sombras de um poste de luz foi no dia 6 de abril de 1943, e como resultado de um arcabouço modificado pelo tempo o Goiás Esporte Clube demonstra que o tempo construiu um história que nesta segunda-feira (6) completa 77 anos de reconhecimento e admiração pela nação de esmeraldinos que o acompanham como representante do centro-oeste no futebol brasileiro.

Em suas primeiras disputas seu clássico era reconhecido pela torcida contra o time do Atlético nos seus primeiros anos de fundação, a força esmeraldina se firmou como o time que mais conquistou títulos pelo campeonato goiano, e tem o uniforme da equipe de mais tradição admirada por ser o clube do centro-oeste que tem mais jogos disputados na elite do futebol brasileiro, e também com representações de destaque como Libertadores e final da Copa Sul-Americana e Copa do Brasil.

História

Foi durante uma brincadeira entre amigos na rua 23 localizada no Centro da Capital goiana, sob as sombras de um poste de luz que surgiu o time que seria representante de tradição do futebol do centro-oeste, time que carrega o nome de Goiás Esporte Clube, escudo que mais tarde iria disputar partidas importantes representando o centro-oeste brasileiro. O encontro que teve seu início na casa dos irmãos Lino Barsi e Carlos Barsi, porém teve que ser “realocada” para o começo da brincadeira, rua, por conta da empolgação de todos envolvidos, foi a partir daí que a equipe esmeraldina teve sua primeira reunião para definir seus primeiros passos.

O primeiro embate de sua história o time teve a sua frente a equipe do Atlético Goianense, time de destaque reconhecido como uma grande equipe no momento. Com pouco dominou financeiro, o Verdão foi a campo com uniformes verde e branco material recebido através de doação do time do América Mineiro. O time começou a conquistar formar a partir de 1960, quando os dirigentes conseguiram recursos para adquirirem a área que hoje está construído o Estádio Hailé Pinheiro.

Durante o desejo de ser reconhecido enfrentando dificuldades no período de formação que nasceu o apelido de “Clube dos 33”, suposição a quantidade de torcedores que acompanhava as partidas. Após vencer as dificuldades, o Goiás lembrou sou antiga situação e fez uma homenagem aos torcedores que deram força ao time e hoje sua marca é intitulada “Green 33”.

Títulos

O time teve seu primeiro esforço recompensado na conquista do inédito título estadual formalizado com a força de 23 anos de determinação, tornando-se campeão, registrou seu nome na história do futebol, 1966, reescrevendo as novas marcas do futebol do centro-oeste se posicionando como um adversário de peso para os demais time goianos como Atlético Goianiense e Goiânia. A campanha que deu o título ao Goiás teve muito destaque apesar do susto de ter perdido na estrei para o time do Anápolis.

A continuação e força para conquistar seus torcedores veio cinco anos após a primeira conquista e foi escrita para ser arquivada na história do futebol como a década da vitória onde foram conquistados dois bicampeonatos estaduais em 1971-1972 e 1975-1976, e se consagrou o primeiro representante da capital goiana a jogar o Campeonato Brasileiro que em 1973 recebia o nome de Taça Brasil.

A tradição do time ganhou mais força na década de 80 levantando seis troféus e a conquista de três títulos consecutivos (1981, 1983, 1986, 1987, 1989-1990-1991).

O tempo sim era o maior ingrediente para formar na década de 90 as três conquistas seguidas do Campeonato Goiano e finalizar com chave de ouro o inédito pentacampeonato que marcou a história esmeraldina (1991, 1994, 1996-1997-1998,1999-2000), além do primeiro título nacional: a Série B de 1999.

O ano de 2000 começou, sendo arquitetado pelos títulos estaduais, de 2002, 2003, 2006 e 2009, somando também as três conquistas da Copa Centro-Oeste de 2000, 2001 e 2002. O período levantou mais seis conquistas concretizando ainda mais sua marca com tetracampeonato de 2015 à 2018. Apesar da bela história, o clube chegou ao segundo título da Série B do Brasileirão na temporada de 2012.

*Com informações da Sagres Online

Comentários

Mais de Esportes