Esportes

Protocolo de segurança gera prejuízo de 32 milhões ao Barcelona na Champions

Acordou firmado nesta terça-feira (10), entre clube Catalunha e governo, determina que não haverá torcida para o confronto de Barcelona e Napoli

diario da manha

Nesta terça-feira foi divulgado que o jogo entre Barcelona e Napoli, jogo que decide quem passa adiante das oitavas de final da Liga dos Campeões, previsto para acontecer na quarta – feira (18), acontecerá com portões fechados, por causa da epidemia de coronavírus no país. O Barcelona, recebe os italianos no Camp Nou, que não terá o brilho das torcidas.

O atual momento somando quatro mil mortes pelo mundo, requer o máximo de cuidados das autoridades, a epidemia causada pelo coronavírus, registrou números alarmantes com mais de 120 mil casos espalhados por todo o mundo.

O primeiro caso aconteceu na China e, identificado como um vírus transmissível, acabou se alastrando pelo resto do mundo. A organização da competição segue com protocolos de segurança, jogos que não foram cancelados vão acontecer sem torcida.

O presidente Josep Bartomeu, participou de um almoço com autoridades e confirmou que vai cumprir com todos os protocolos, “afinal a saúde vem em primeiro lugar”.

“O caso é muito sério e a decisão e seguir com as recomendações, quando se trata de saúde, não há discussão”. Mas ele reconheceu que a medida foi um contra tempo ” atinge sócios, torcedores e todos campeonatos envolvidos. Mas devemos compreender que vivemos um momento que requer cuidados”, declarou.

“É preciso contribuir com as autoridades sanitárias” afirmou Bartomeu, concordando sobre a necessidade de se “tomar consciência de que as normas devem ser respeitadas e que esse é um problema que afeta a todos. O dinheiro é um tema secundário neste momento”. acrescentou.

*Com informações da ESPN

Comentários