Entretenimento

Apresentador Ratinho defende Bolsonaro e ataca críticos: “Cambada de vagabundo”

Após a defesa, Bolsonaro publicou o vídeo mas redes sociais com a legenda: “Uma visão da política nacional”

diario da manha

O apresentador Ratinho usou o espaço de seu programa no SBT para denfender o presidente Jair Bolsonaro. O apresentador é apoiador do atual governo assumido e também amigo pessoal de Bolsonaro.

Em sua fala, Ratinho alfinetou os opositores, governadores e a imprensa, que criticam o trabalho de Bolsonaro na pandemia do novo coronavírus. Além disso, o comunicador disparou alguns xingamentos contra os críticos do chefe do Estado .

Ao falar sobre a campanha de vacinação contra o novo Coronavírus o apresentador disse: “Uma luz no fim do túnel se acende com o início da campanha de vacinação. O presidente Jair Bolsonaro tem recebido todo tipo de crítica. O governo e o ministério da Saúde são depreciados constantemente pela oposição e por parte da imprensa, que não reconhece a importância do trabalho que vem sendo realizado. É pra perder a paciência. O governo federal já garantiu 350 milhões de doses contra a Covid-19 para este ano. O ministério da Saúde já distribuiu mais de seis milhões de doses para os estados, e a campanha já começou. Mas, infelizmente, sempre tem alguns espertalhões que não que não têm senso de cidadania. O que você tem a dizer dessas pessoas que estão furando a fila para serem vacinadas? Qual sua opinião sobre elas? Na minha opinião, elas são canalhas”, disparou ele.

Ratinho continuou o discurso criticando as pessoas que furaram a fila de vacinação e alegando que a Justiça, oposição e governadores de de alguns Estados se uniram para “atrapalhar as providências do governo federal” em meio à pandemia.

“O que você acha das cidades que receberam dinheiro do governo federal e compraram respiradores em adegas de vinho? Muitos que criticam estão levantando as mangas da camisa querendo tomar vacina na frente dos outros. Cambada de vagabundo!”, disparou o apresentador, antes de dizer que o “presidente não pode fazer nada sozinho. O apoio, nesse momento de crise, tem que vir de toda a sociedade. É muito fácil apontar o dedo e acusar quem não tem culpa, né?”, completou. Segundo o comunicador, desde o início da pandemia, Justiça, oposição e governadores de de alguns Estados se uniram para “atrapalhar as providências do governo federal”.

Após a defesa, Bolsonaro compartilhou o vídeo com a opinião de Ratinho no Twitter e escreveu na legenda do post: “Uma visão da política nacional”.

*Com informações do portal IstoÉ.

Comentários