Entretenimento

David Byrne não quer as coisas como eram antes da pandemia

Byrne acredita que a pandemia é um momento em que as pessoas pensam mais no que realmente importa

diario da manha

Um programa ao vivo no Instagram foi lançado pelo jornalista, Geoff Edgers, de sua casa no campo, em Massachusetts. O músico, escritor e entusiasta da bicicleta David Byrne, foi convidado a participar e afirmou lidar bem com pandemia, ele tem o suficiente para comer e pagar as contas.

Byrne afirmou que há momentos em que acorda pela manhã e se pergunta coisas do tipo: “o que vou fazer hoje? Por que razão? Por que me preocupar? Para que isso? Até onde vai?”. Segundo ele, os contatos e conversas virtuais que faz diariamente, não são a mesma coisa.

Portanto, o músico informa que iniciou uma série chamada Now Anything is Possible para tratar sobre ‘estar na pandemia‘, que, segundo ele, é um momento em que as pessoas reavaliam seus valores, pensando mais em quais são as coisas que realmente importam. São enfatizadas pessoas, lugares, iniciativas que passaram a resolver problemas que possam ser aderidos.

“Isso está ficando aparente para as pessoas neste momento extremamente difícil. Quero me lembrar disso e me apegar a essa ideia, e não que as coisas voltem a ser como eram, em todos os aspectos”, declara o Byrne.

Para David Byrne, dinheiro para hospitais não é solução real

Ainda segundo o músico, não há interesse em bilionário oferecendo dinheiro para hospitais. Ele acredita que a atitude, mesmo sendo bonita, não traz uma solução real. “Talvez possamos devolver as ruas das cidades para as pessoas, termos menos carros, porque agora temos quase zero de poluição proveniente dos automóveis”, explica.

Byrne informa que continua andando de bicicleta e a sensação é boa. Além disso, afirmou que mantém contato com membros da banda, obedecendo o distanciamento e aderindo todas as recomendações de saúde, como o uso de máscara.

Ele que é contra os partidos políticos, não leva sentimentos pessoais e a opinião política para o trabalho ou persona pública. “Estamos vendo já o suficiente de política partidária”.

Edgers comanda um programa de entrevistas, titulado Stuck with Geoff, de uma hora todas as terças e sextas-feiras. O jornalista conversa com qualquer pessoa que atenda à sua chamada. Até o momento, ele entrevistou o locutor esportivo Joe Buck e Bill Nye, a comediante Tiffany Haddish e a jornalista de TV Katie Couric.

*Com informações do Portal Terra

Comentários