Entretenimento

Por que sexta-feira 13 é considerado um dia de azar?

O cinema também ajudou a concretizar no imaginário popular uma imagem supersticiosa da data

diario da manha
Imagem: Reprodução

Existem algumas histórias que sugerem a origem da sexta-feira 13, um dia, considerado por muitos como azarento e assombrado, duas delas são lendas da Mitologia Nórdica.

A primeira se trata de um banquete para 12 convocados, em Valhalla, morada celestial das divindades. No jantar, Loki, o espírito do mal e da discórdia, apareceu sem ser convidado, armando uma briga que acabaria com a morte de Balder, o favorito dos deuses. Por causa da lenda criou-se a superstição de que convidar 13 pessoas para jantar não era uma boa ideia e o número treze ficou marcado como símbolo do azar.

A segunda lenda diz respeito à Friga, deusa do amor e da beleza, seu nome deu origem às palavras friadagr e friday, “sexta-feira” em escandinavo e inglês. Algumas tribos nórdicas teriam se convertido ao cristianismo, então, a deusa foi transformada em uma bruxa e exilada no alto de uma montanha.

Friga, como ato de vingança, passou a reunir-se, todas as sextas-feiras, com outras 11 feiticeiras e o próprio Satanás, num total de 13 participantes, para rogar pragas sobre a humanidade. A superstição que nasceu na Escandinávia se espalhou por toda a Europa.

Além das histórias pagãs, também são associados alguns relatos bíblicos para reafirmar a simbologia negativa por trás da data. Uma delas é a Última Ceia, quando havia 13 pessoas à mesa, na véspera da crucificação de Cristo, que aconteceu em uma sexta-feira.

Imaginário popular

Claro que o cinema ajudou a concretizar no imaginário popular a imagem de azar da data. A franquia de filmes Sexta-feira 13, foi inspirada no livro homônimo, publicado pelo corretor de ações Thomas Lawson, em 1907.

A obra tem como personagem sombrio o corretor de Wall Street que manipula o valor de ações para se vingar de seus inimigos, deixando-os na miséria.

Dicas de filmes para a sexta-feira 13

Para você não passar esta data misteriosa em branco, já que a próxima e última sexta-feira 13 do ano será apenas em novembro, a Cinéfila Samara Morais, mais conhecida por Sams, fez uma lista de 5 filmes assustadores. Confira:

A CASA DE CERA ( House of Wax, 2005 )
Um clássico para a galera que assim como eu cresceu nos anos 1990 – 2000. Como sempre um clássico de terror começa com um grupo de amigos que vão viajar, e claro: vai acontecer alguma merda! Na viagem rola alguns problemas, fazendo com que o grupo pegue carona até a cidade de Ambrose, onde está localizada a casa de cera de Trudy, com bonecos de cera bem parecidos com pessoas de verdade. Um filme com uma pegada de terror adolescente. Uma nostalgia boa!

🎥 Onde assistir: Netflix

O HOSPEDEIRO ( Gwowemul, 2007 )
Uma família mora na beira de um rio na Coreia do Sul. Certo dia, aparece um monstro nesse rio, causando completo terror e levando consigo uma menina da família. Agora, eles precisam enfrentar o monstro para ter a menina de volta. Direção do mais recente ganhador de 3 Oscars, Bong Joon Ho.

🎥 Onde assistir: Netflix

CONTAGIO ( Contagion, 2011 ) •
Com o coronavírus a solta, todo mundo está preocupado ou deveria estar, esse filme retrata bem o desespero de uma pandemia mortal pelo mundo. No filme a taxa de mortalidade é bem mais séria e não se compara com o surto atual. Um ótimo suspense com boas atuações e vários atores e atrizes conhecidos como Kate Winslet, Jude Law, Matt Demon, Gwyneth Paltrow.

🎥 Onde assistir: HBO Go

Para conferir o restante da lista acesse o Instagram @cinesams, que também contém críticas de filmes, séries e televisão.

*Com informações da Superinteressante

Comentários

Mais de Entretenimento

9 de julho de 2019 as 11:36

Cuphead vai se tornar série na Netflix

25 de maio de 2019 as 19:51

Atriz Lady Francisco morre no Rio