Eleições 2020

Gustavo salienta expansão econômica e urbana de Aparecida em reuniões com colaboradores das industrias dos polos

Os bate-papos com os trabalhadores são agendados pelos empresários para que os funcionários possam ouvir as propostas dos candidatos

diario da manha

Dando continuidade à agenda de reuniões políticas em empresas de Aparecida de Goiânia, o prefeito e candidato à reeleição Gustavo Mendanha (MDB) se reuniu nesta quinta-feira, 15, com trabalhadores de três empresas nos Polos Industriais. O bate-papo com os colaboradores das indústrias girou em torno dos investimentos em mobilidade, infraestrutura e do desenvolvimento econômico do município.

As condições favoráveis às atividades econômicas ajudaram Aparecida a alcançar um crescimento de 122% em seu Produto Interno Bruto (PIB) entre 2010 e 2018. Em 2010, o PIB de Aparecida era de R$ 5,8 bilhões. O número subiu para R$ 12,9 bilhões em 2018. Nesse período, a economia de Aparecida cresceu 17,40% ao ano.

“Sempre apoiamos e incentivamos as empresas de Aparecida e aquelas que querem se instalar na cidade. Pois é o setor produtivo que gera emprego e renda para os aparecidenses. Com cinco polos industriais e empresariais, podemos dizer que o município não carrega mais o estigma do passado de cidade-dormitório. E isso se deve ao nosso empenho em atrair novas empresas, aumentando a oferta de emprego para nossa população. E nosso compromisso é o de trabalhar ainda mais para gerar vagas de trabalho, criando novas áreas para atração de novos CNPJs”, ressaltou Gustavo Mendanha.

Nos últimos dez anos, o número de CNPJ’s ativos em Aparecida de Goiânia saltou de 6 mil para cerca de 54 mil, entre indústrias, empresas e comércios, de acordo com a Secretaria Municipal da Fazenda. No início deste ano, a cidade já tinha uma demanda de 230 empresas que solicitaram à Prefeitura as autorizações para se instalar em Aparecida ou acenaram positivamente para uma provável abertura de novas unidades em solo aparecidense.

Dados da Junta Comercial do Estado de Goiás (Juceg) também confirmam a expansão no número de empresas operando em Aparecida, sobretudo nos sete polos industriais e empresariais da cidade, que empregam mais de 120 mil trabalhadores.
Fora a capital, Goiânia, o grupo das quatro maiores economias de Goiás tem Aparecida como protagonista no quesito abertura de novas empresas. O município fica à frente de Anápolis, Catalão e Rio Verde.

Representante do Grupo Sallo, Maria Fernanda Bessa declarou que a Sallo é uma das pioneiras aqui do Polo Empresarial, e participou ativamente do crescimento de Aparecida. “Hoje temos orgulho de fazer parte dessa história. Estamos aqui hoje para ouvir os planos de continuidade do trabalho de Gustavo. Cada um é livre pra escolher seus representantes, mas nós validamos o voto nele, pois vimos a sua liderança nesses 4 anos em prol da cidade e de quem mora aqui”, salientou.

“Estou fazendo nesta campanha o que eu faço durante todos os dias do ano, indo aos locais para conversar diretamente com as pessoas. Estamos, claro, tomando todos os cuidados por conta da Pandemia, mas não podia deixar de vir conversar com os colaboradores, para que possam ouvir nossas propostas”, comentou o emedebista que continuou. “Nosso trabalho durante esta Pandemia nos fez passar por ela sem colapsar a saúde pública da cidade. O que ajudou também a ter nas empresas um grande número de funcionários ativos. Salvamos vidas e empregos. E quero continuar governando com essa responsabilidade, austeridade e coragem”.

O candidato explanou que comparando apenas as solicitações de empresas individuais de responsabilidade limitada, Aparecida foi a cidade com mais pedidos registrados nos anos de 2017, 2018 e 2019, entre os meses de janeiro e novembro. No ano passado, por exemplo, 581 empresas individuais de responsabilidade limitada pediram autorização para se instalar em Aparecida. Anápolis teve 546 solicitações; Catalão, 87; e Rio Verde, na Região Sudoeste, 282 pedidos em igual período.

Para Leonardo, proprietário da empresa Duro PVC que fica no Polo Industrial vice-presidente José Alencar, Aparecida reúne todas as condições, com a reeleição de Gustavo, de fortalecer ainda mais sua economia com base na industrialização. “Nós sempre nos preocupamos com nossos colaboradores e por isso abrimos nossa casa, que está em Aparecida há 28 anos, para que os candidatos possam explanar suas propostas. Convidei o prefeito Gustavo pra vir aqui hoje por considerá-lo um grande gestor, que com seu trabalho ajudou no salto no desenvolvimento de nossa cidade, principalmente agora durante a Pandemia”, comentou o executivo.

Na visita à Frio Jet Baú Frigoríficos, Gustavo Mendanha foi recepcionado pelo gerente da empresa, Thiago Boin, representando o proprietario Fernando Frigo. O gestor da empresa fez uma avaliação positiva da administração do prefeito e enfatizou que “Aparecida é uma cidade que cresce muito e isso é resultado de uma administração que cuida do município e trabalha para que as empresas tenham oportunidade de crescer e gerar mais empregos. Por isso, pedimos que viessem aqui bater um papo com nossos colaboradores”.

O candidato ressaltou ainda as obras que estão sendo feitas para Aparecida continuar no trilho do desenvolvimento. “Estamos pavimentando alguns bairros aqui da região leste, como o Jardim Miramar e Retiro do Bosque, construção de praças e o acesso à UFG, que também dá acesso ao futuro aeroporto Antares, que trará ainda mais desenvolvimento para nossa cidade”, finalizou Gustavo Mendanha.

Formalização de empresas – E neste ano, Aparecida encerrou o 2º trimestre com crescimento recorde na abertura de empresas do tipo MEI (microempreendedor individual). De abril a junho, a cidade teve mais 1.707 pequenos negócios formalizados, uma alta de 6,55% em relação ao 1º trimestre. É o melhor resultado alcançado nesse período nos últimos três anos.

Presenças – Também participaram das reuniões, a convite dos proprietários e diretores das indústrias e empresas do município, os candidatos a vereador Dr Luiz (Solidariedade), Pastor Gil (Avante), Cida Pereira (Avante), e Wellder Gabriel (Avante).

Comentários