Economia

Segundo IBGE Auxílio Emergencial beneficiou cerca da metade da população brasileira

De acordo com Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o programa alcançou 49,5% da população do país

diario da manha
Foto: Reprodução

Nesta quinta-feira (23), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou um levantamento que indica que em junho, o benefício do Auxílio Emergencial, criado pelo Governo Federal chegou a 29,4 milhões de residências no país, o que representa o alcance de 49,5% da população brasileira.

De acordo com os dados divulgados o programa destinado aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEI), autônomos e desempregados, com renda domiciliar per capita inferior à R$ 522,50 já distribuiu R$ 27,3 bilhões até o momento.

Com apoio do Ministério da Saúde, os levantamentos feitos pelo Pnad Covid19 mostram que nas regiões Norte e Nordeste o percentual de beneficiários foi superior a 45% e em domicílios do Amapá e Maranhão o índice chega a ultrapassar 65%.

Para o diretor adjunto de Pesquisas do IBGE, Cimar Azeredo, os dados mostram a importância do programa e aponta de forma direta ou indireta, o contingente beneficiado com auxílio no Brasil.

“O auxílio emergencial atingiu cerca de 80% dos domicílios duas primeiras faixas de renda e cerca de três quartos dos domicílios da terceira faixa. Isso demonstra a importância do programa na renda domiciliar per capita dos domicílios dos estratos de renda mais baixos”, diz.

*Com informações do G1.

Comentários