Cotidiano

Goiás registra em 24h recorde de mortes por Covid-19

diario da manha

Dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde (SES), na quarta-feira (3/3). Revelam que Goiás teve novo recorde de registros de mortes por Covid-19 em 24 horas. Foram 169 óbitos registrados, de terça-feira para quarta. Com o aumento do número de casos da doença, os hospitais da rede estadual de Goiás enfrentam um colapso, 13 deles estão com as UTIs 100% ocupadas. Somente em 24 horas foi registrado o aumento foi de 4.359 pessoas infectadas.

Desde o início da pandemia, já são 404 mil pessoas que contraíram a Covid-19 no estado, sendo que 8.714 morreram. Além do mais, é importante ressaltar que a Secretaria de Saúde identificou três variantes do vírus entre a população e que a segunda onda está mais forte.

“O estado é de calamidade. O sistema de saúde nunca esteve tão pressionado. Sem dúvida, estamos no momento mais crítico que a saúde vive desde o início da pandemia”,

“Essas três novas cepas da segunda onda têm demonstrado maior transmissibilidade e já estão em transmissão comunitária”,

Destacou o secretário de Saúde de Goiás, Ismael Alexandrino, em entrevista ao G1.

Variantes da Covid-19 fazem estado estar com a saúde em estado crítico

As variante do vírus são identificadas como: P1 e P2, referente a de Manaus, e a B.1.1.7, que surgiu no Reino Unido. Além da variantes do vírus, o cenário da saúde pública no estado está crítico. A maioria dos hospitais estam operando com 97% das UTIs ocupadas e 96% das vagas de enfermaria em uso.

Desse modo, a secretária determina orientações de como cada cidade deverá agir para evitar o avanço da doença. O decreto de Lockdwon por 7 dias na cidade é uma das medidas que a secretária juntamente com o governador, decretaram para diminuir o avanço do coronavírus.

A segunda dose da vacinação está ocorrendo em alguns pontos da cidade. Até ontem foram 49.872 pessoas vacinadas.

Leia também :

Comentários