Cotidiano

Neymar é vítima de racismo e diz que adversário não é homem para assumir o erro nas redes sociais

Brasileiro ainda disse em outras publicações que pegar a agressão dele é fácil, e que quer ver o VAR pegar o momento que o zagueiro o chama de Mono Hijo de Puta (Macaco filho da puta)

diario da manha
Momento em que Neymar e Di Maria chegam a arbitragem junto com o zagueiro adversário e ambos repetem a frase "racismo no, racismo no"

O atacante Neymar do PSG foi expulso no último domingo (13/9) após agredir o zagueiro Álvaro do Olympique de Marselha, em jogo válido pelo Campeonato Francês. A irritação do brasileiro, foi após o zagueiro adversário ter sido racista com ele, ao chamá-lo de macaco durante a partida.

Em alguns vídeos é possível ver o momento que o brasileiro deixa o gramado, e conversar com o auxiliar de arbitragem e grita “Racismo no, Racismo no”. Veja um dos vídeos:

Após a expulsão no jogo o craque brasileiro usou sua conta nas redes sociais para criticar o atleta adversário, e ainda fazer referência ao árbitro de vídeo. Em um deles, Neymar diz “VAR pegar minha agressão é mole, agora quero ver pegar a imagem do racista me chamando de Mono Hijo de Puta” (macaco filho da puta)… isso eu quero ver. E ai? Carretilha você me pune, dou cascudo sou expulso e eles? E ai?”.

Em outras publicações após o jogo, Neymar chega a dizer que “Único arrependimento é não ter dado na cara desse babaca”.

No twitter o zagueiro fez uma postagem sobre racismo e Neymar respondeu afirmando que o adversário não é homem para assumir o erro

A questão envolvendo o brasileiro chegou a outro ponto, a partir do momento que o zagueiro adversário postou ser contra o racismo em seu perfil no twitter. Na publicação o zagueiro adversário diz que não existe lugar para o racismo, e que sua carreira é limpa com muitos companheiros e amigos no dia. Na postagem Álvaro González diz ainda que as vezes tem que aprender a perder e assumir a derrota dentro de campo. Na sequência, o zagueiro comemora os três pontos conquistados e agradece ao time e a família.

Após ver a publicação do zagueiro adversário, Neymar respondeu o twitt do zagueiro e disse que o mesmo não é homem para assumir o erro. Confira a resposta do atacante brasileiro:

Comentários