Cotidiano

Semas oferece barracas para abrigar moradores de rua

A estrutura será montada no Mercado Aberto, para ajudar os moradores de ruas se protegerem durante a pandemia

diario da manha

Moradores de rua recebem 20 barracas da Secretaria Municipal de Assistência Social de Goiânia (Semas) a partir desta quarta-feira (6), para se protegerem durante a pandemia do covid-19. A estrutura será montada no Mercado Aberto, da Avenida Paranaíba.

As primeiras famílias escolhidas já fazem parte do cadastro do órgão, segundo a Semas, foram privilegiadas as pessoas com morbidades, portadoras de alguma necessidade especial e idosos. 

O Chefe da pasta, Mizair Lemes Junior alegou que a ideia é que seja um local de apoio provisório aos moradores, mas que eles sejam encaminhados a alguma casa de apoio. Cada barraca é equipada com cobertores e colchonetes e acomoda até duas pessoas.

No final de 2019 em um levantamento do órgão, foi apontado que haviam cerca de 450 moradores de rua em Goiânia. Segundo Lemes, aproximadamente 200 dessas pessoas foram acolhidas e com o Auxílio Emergencial, muitos podem sacar e voltar para as famílias.

A Semas, junto com a Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), oferecem para cerca de 400 pessoas café da manhã e almoço que serão distribuídos junto às barracas, no Mercado Aberto. Lemes explicou que essas refeições ajudam também pessoas em situação de vulnerabilidade, “pessoas que tem uma casa, mas não tem condições e passam dificuldades” afirmou.

Além disso, o secretário alegou que quem quiser contribuir com cobertor, travesseiros, material de higiene, roupas e alimentos, pode ir até o Semas, na Rua 25 do Setor Aeroporto. 

Outros lugares são estudados pela Secretaria para montar outras estruturas como esta, e atender mais moradores de rua.

*Com informações do G1

Comentários