Cidades

Discussão em festa termina em morte em Catalão

diario da manha
Foto: Reprodução

Uma discussão em uma festa de música eletrônica acabou em morte, em Catalão, cidade que fica cerca de 260 quilômetros da capital goiana.

O tiroteio aconteceu na madrugada do dia 4 e o motivo da briga que resultou em homicídio, foi por ciúmes. Segundo a Polícia Militar do Estado de Goiás (PMGO), o adolescente P.C.M. de 17 anos, encontrou a ex-namorada junto de alguns amigos na festa e após um desentendimento, discutiu com os mesmos e foi contido pelos seguranças da festa, tendo que sair do local.

Retornou horas depois, portando uma arma de fogo e efetuou disparos contra os jovens. Pedro Henrique de Jesus, de 25 anos, chegou a ser levado ao hospital, mas não resistiu e morreu.

Outros dois jovens, de 18 e 24 anos, seguiam internados até as 15h, mas estavam “fora de perigo”, segundo a unidade. A última vítima, de 16 anos, recebeu alta.

De acordo com a PM a casa de eventos em Catalão foi fechada e estava com 150 pessoas no momento do tiroteio, a maioria menores

A PM teve que fechar a casa de festas com cerca de 150 pessoas e em sua maioria, menores de idade. O atirador possui antecedentes criminais e até o presente momento, não foi encontrado pela polícia.

O incidente ocorreu na Associação Atlética do Banco do Brasil (AABB). Segundo a administração do local, o espaço era apenas alugado para um evento. Conforme o contrato de locação, os promotores da festa ficam responsáveis pela segurança.

O caso está sendo investigado pelo Delegado da Polícia Civil de Catalão, Vitor Oliveira Magalhães.

*Com informações do G1

Comentários