Cotidiano

Após falta de energia, presos tentam dar início à rebelião

diario da manha

Presos da unidade prisional de Cristalina tentaram dar início a uma rebelião nesta segunda-feira (2). Segundo informações da Polícia Militar (PM), os presos tentaram fugir retirando as chapas que cobrem os cadeados das celas, mas foram frustrados pelos policiais de plantão.

De acordo o diretor e coordenador do presídio Otoniel Lima, o tumulto começou após a falta de luz na região, devido a um incêndio em uma subestação da Celg em Luziânia. Otoniel relata que os presos começaram a se manifestar e alguns conseguiram sair da celas, mas foram contidos.

“A PM também chegou no momento e conseguiu amenizar a situação. Após isso, vistorias foram feitas nas celas, porém nada de ilegal foi encontrado”, afirma.

O diretor do presidio conta que não houve confronto e nem feridos durante a recaptura dos presos. O prédio também não foi violado pelos presos. Já foram providenciadas novas chapas para substituir as que foram retiradas pelos detentos.

Em nota, a Superintendência Executiva de Administração Penitenciária (Seap), informou que a energia foi restabelecida na nesta terça-feira (3) e a unidade voltou à normalidade.

(Foto: Reprodução)

Comentários

Mais de Cotidiano