Cotidiano

Propaganda de escola de natação usa foto de bebê sírio afogado no RS

anuncio

Um anúncio de uma escola de natação do Rio Grande do Sul (RS) gerou indignação e polêmica nas redes sociais após ser postado em um grupo composto de publicitários e estudantes no Facebook.

Em destaque, o anuncio coloca uma foto de um bebê debaixo d’água e logo abaixo, em menor proporção, a imagem do menino sírio, Aylan Kurdi, que morreu afogado na Turquia, tornando-se símbolo da tragédia dos refugiados do Oriente Médio.

A propaganda da FitFlex Aquacenter, focada em natação para bebês, está na página de um jornal impresso. A postagem no grupo repercutiu na internet e gerou diversos compartilhamentos e comentários.

Além da imagem chocante, o texto ao lado da foto também causou indignação. “9 meses para nascer, 3 anos para crescer e 2 minutos pra ficar sozinha, em um minuto pode morrer afogada.”

O diretor da escola Vinícius Maciel divulgou que foi a própria escola que elaborou o anúncio e que não esperava a repercussão negativa das pessoas. A propaganda foi divulgada na edição do dia 3 de março deste ano em um jornal do RS.

Maciel alegou que a ideia do anuncio era ressaltar o problema sobre afogamento infantil.

Após a polêmica, a escola retirou o anúncio dos veículos de comunicação e apresentou uma nota para esclarecimentos ao público:

“Com 24 anos de atuação no mercado, a FitFlex Aquacenter vem esclarecer fatos sobre material que está circulando na internet, extraído da edição de 03/03/16, do jornal de nossa cidade.

Importante inicialmente salientar o respeito da empresa por seus clientes e familiares, em especial por todas as crianças que já aprenderam a nadar em nossas piscinas.No ano de 2011 aumentamos nossos esforços em divulgar e trabalhar com a conscientização do grave problema de afogamentos.

Reconhecimento deste esforço nos levou ao registro no livro dos recordes em conjunto com a Maior Aula de Natação do Mundo, onde contribuímos com o segundo maior número de participantes, ficando atrás do SeaWorld’s Waterpark de Orlando, EUA. O que demostra nosso compromisso com a seriedade e respeito a nossos clientes.

No caso da polêmica que o referido anúncio criou, em especial no meio da comunicação social, nossa intenção também era chamar a atenção para o grave e real problema de afogamentos. A repercussão foi muito maior fora de nossas fronteiras municipais, que em nossa própria cidade.”

Comentários