Cotidiano

Vídeo disponibilizado na Internet mostra tratamento desumano a refugiados

O caso aconteceu na Hungria, um dos principais países onde os migrantes sírios buscam refúgio

diario da manha

Nesta semana, através de um vídeo, foi identificado condições desumanas de tratamento aos refugiados sírios, o comportamento partiu da polícia húngara. A gravação foi feita de forma oculta por uma voluntária austríaca, nesta quarta-feira (9), no abrigo de Roszke, Hungria.

Dentro de um cercado, aproximadamente 150 migrantes foram submetidos a uma distribuição de alimentos no mínimo classificada como desumana. Os policiais responsáveis por levar a comida aos refugiados começaram a lançar os sanduíches por cima da tela de proteção, enquanto as pessoas desesperadamente tentavam adquirir o alimento.

“Era como alimentar animais presos em um cercado, como Guantánamo na Europa”, declarou Klaus Kufner, amigo de Michaela Spritzendorfer, a voluntária que registrou as imagens que foram disponibilizadas no Youtube nesta quinta-feira (10).

“Era desumano, e isto também mostra algo sobre estas pessoas (os migrantes), que não brigaram pela comida, embora estivessem com fome”, afirmou Spritzendorfer.

O caso chamou a atenção da ONU, que fez duras criticas ao comportamento dos húngaros envolvidos. Em outra ocasião a Hungria construiu uma extensa cerca de 157 km na fronteira do país com a Sérvia, numa tentativa de controlar o fluxo de migrantes.

Confira o vídeo: 

Comentários