Coronavírus

OMS diz que vírus da Covid-19 pode ter circulado em outro local antes de Wuhan

Cidade foi a primeira a relatar casos da doença no mundo. A origem do vírus ainda é desconhecida

diario da manha
Foto: Reprodução

Nesta terça-feira (9), durante uma coletiva de imprensa, representantes da Organização Mundial de Saúde (OMS) enviados à China para descobrir as origens do novo coronavírus, declararam que o vírus pode ter circulado em outro local antes da cidade de Wuhan.

Até o momento, a cidade chinesa era identificada como o primeiro lugar a detectar a presença do vírus da Covid-19.

De acordo com uma publicação do G1, o órgão também descartou a hipótese de que o vírus tenha sido vazado em um acidente de laboratório. “É extremamente improvável”, afirmou a organização.

MACHISMO NO AUTOMOBILISMO

Segundo o chefe da equipe enviada a Wuhan, Liang Wannian, não há indícios de que o vírus estivesse circulando antes de dezembro de 2019. “Não há indicação da transmissão do Sars-Cov-2 na população do período anterior”, apontou.

“A maioria dos casos foi reportada na segunda metade de dezembro, muitos deles associados ao mercado de Wuhan, indicando que era um dos focos da transmissão”, disse ele.

No entanto, durante a coletiva, o especialista em vírus da OMS, Peter Ben Embarek destacou que é improvável que os animais da reserva natural em morcegos apontados como a possível origem estivessem em Wuhan.

Comentários