Coronavírus

Morre em hospital de Goiânia paciente internado com Covid-19 transferido de Manaus

Segundo assessoria do Hospital das Clínicas, o homem, de 54 anos, estava na UTI em quadro gravíssimo e sofreu duas paradas cardiorrespiratória

diario da manha

A assessoria de imprensa do Hospital das Clínicas de Goiânia informou que um paciente, de 54 anos, com Covid-19 que tinha sido transferido de Manaus morreu na manhã desta quinta-feira (21). Pelo 32 pessoas que vieram do Amazonas seguem internadas em unidades de saúde de Goiás. A informação é do G1.

De acordo com o superintendente do Hospital das Clínicas, José Garcia, o homem estava na UTI em quadro gravíssimo e sofreu duas paradas cardiorrespiratória. “Ele teve uma falência de múltiplos órgãos durante essa madrugada e uma parada respiratória, ele foi a óbito após duas paradas cardiorrespiratória, sendo que a gente tentou reanimar o paciente por aproximadamente uma hora, mas, infelizmente, ele não respondeu”, disse.

O paciente já chegou na unidade hospitalar em situação muito grave. Conforme as orientações do Ministério da Saúde, o corpo será levado de volta para Manaus de avião.

Dos 32 pacientes encaminhados para Goiás, na segunda- feira (18), devido o colapso no sistema de saúde de Manaus, ao menos 17 estão em UTI com estado grave ou gravíssimo, sendo sete entubados. Outros 15 estão em enfermarias.

Entre esse total de pacientes, há também a esposa de um deles, que está com suspeita de Covid-19, e viajou por conta própria até a capital goiana em busca de atendimento e também foi internada.

Os pacientes foram divididos entre o Hospital das Clínicas e o Hospital Municipal de Aparecida de Goiânia (Hmap). Eles chegaram em aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) e foram levados em ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e Corpo de Bombeiro para as unidades de saúde.

Comentários