Coronavírus

Covid em 24 horas deixa mais de 3 mil mortos nos EUA

Os números atualizados no sábado são referentes às mortes notificadas na sexta-feira (11).

diario da manha

Segundo o levantamento divulgado neste sábado (12) pela Universidade Johns Hopkins, os Estados Unidos registraram 3.309 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas. Os números atualizados no sábado são referentes às mortes notificadas na sexta-feira (11).

Essa é a segunda vez, em quatro dias que o país teve mais de 3 mil mortes diárias. Na quarta-feira dia (9), foi a primeira vez em que os EUA alcançaram este triste marco, sendo confirmadas 3.124 mortes, segundo a instituição norte-americana.

Desde o início da pandemia, já são mais de 15,8 milhões de pessoas infectadas no EUA, é o país com maior número de casos confirmados de Covid-19.

O EUA é também o país com maior número absoluto de mortes por complicações do novo coronavirus em todo mundo: foram mais de 295,5 mil. O Brasil, é o segundo com mais de 180 mil mortes.

As contagens diárias de mortes nos EUA superam as registradas na primeira onda da pandemia, entre março e abril desse ano, em média, 2 mil mortes a cada 24 horas.

Há duas semanas houve o feriado de Ação de Graças,onde as famílias costumam viajar e se reunir. Os números começaram a refletir após essa data.

Vacina está próxima

Já na próxima semana a expectativa é de que comecem as campanhas de vacinação nos EUA. Um imunizante desenvolvido pelas farmacêuticas Pfizer e BioNTech, foi aprovado pela agência reguladora de medicamentos americana nesta sexta.

O Reino Unido começou a sua campanha de vacinação nesta terça-feira (8). A vacina Pfizer já foi aprovada pelo Reino Unido, Canadá, Bahrein e México. A agência regulatória britânica foi a primeira a aprovar o uso da vacina, ainda semana passada.

Comentários