Aparecida de Goiânia

Após dois meses internado, motorista vence a Covid-19 e recebe alta do HMAP

Galdino Ferreira de Souza, de 46 anos, precisou ser intubado e ficou na UTI da unidade por 57 dias

diario da manha

Esperança, alegria e gratidão foram o sentimentos que tomaram conta do Hospital Municipal de Aparecida de Goiânia (HMAP) na tarde desta sexta-feira, 9. O motorista Galdino Ferreira de Souza, 46 anos, após dois meses de internação venceu a Covid e recebeu alta da unidade de saúde e vai seguir em casa com a fase final da recuperação.

O paciente, que é morador de Aparecida de Goiânia, deu entrada no hospital no dia 11 de agosto com sintomas do novo coronavírus. Galdino foi encaminhado para Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e precisou ser intubado por conta de complicações respiratórias e ficou em respiração mecânica por 41 dias. Após retirada do tudo, o paciente ainda permaneceu na UTI por 16 dias. Depois de muita luta contra a doença, o paciente foi para enfermaria onde permaneceu três dias até a alta.

Celebração foi a palavra que definiu a alta de Galdino. Antes de deixar a unidade de saúde, ele recebeu festa e aplausos dos colaboradores do hospital, pois cada vida salva é comemorada pela equipe do HMAP.

O enfrentamento do coronavírus tem sido marcado como um dos maiores desafios para a saúde no Brasil e no mundo. Profissionais de saúde se esforçam para manter o equilíbrio em meio ao cansaço e ao medo, para oferecer o seu melhor aos pacientes. A vitória de cada paciente atendido no HMAP tem sabor não só de dever cumprido, mas também de ânimo para continuar a batalha,

Galdino se recuperou do vírus e acaba de entrar para a estatística dos mais de 34 mil pacientes curados da Covid-19 em Aparecida de Goiânia

Referência para tratamento da COVID-19

O Hospital Municipal de Aparecida de Goiânia (HMAP) é referência no tratamento da Covid-19 em Aparecida. A unidade possui 120 leitos hospitalares exclusivos para tratamento do novo coronavírus.

São 60 Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) que estão dispostos em duas salas que atendem protocolos de isolamento. 60 leitos de semi-UTI, todos com pontos de oxigênio, se localizam em uma ala isolada das demais.

Comentários