Coronavírus

Anticorpos em pacientes recuperados da Covid-19 diminuem rapidamente

Estudo chinês pontua dúvidas sobre a duração da imunidade contra a doença

diario da manha
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Um estudo chinês publicado no periódico científico Nature Medicine na última quinta-feira (18) apontou que os níveis de anticorpos que foram encontrados em pacientes recuperados da Covid-19 diminuíram rapidamente.

Os pesquisadores da Universidade Médica de Chongqing, uma filial do Centro de Controle e Prevenção de Doenças da China e de outros institutos, ressaltaram que a redução ocorreu de dois a três meses depois da infecção em pacientes sintomáticos e assintomáticos. As informações são da Agência Brasil.

Conforme a publicação, a apuração cria dúvidas sobre a duração da imunidade contra a doença. A pesquisa estudou 37 pacientes sintomáticos e 37 assintomáticos. Ela descobriu que dos que testaram positivo para a presença dos anticorpos IgH – um dos principais tipos de anticorpos induzidos após a contaminação – mais de 90% apresentaram declínios acentuados no período de dois a três meses.

A porcentagem média de declínio foi de mais de 70% em pacientes sintomáticos e assintomáticos. Já para anticorpos neutralizadores de soro a porcentagem média de declínio em indivíduos sintomáticos foi de 11,7%, enquanto indivíduos assintomáticos atingiram 8,3%.

Comentários