Cidades

Polícia prende suspeitos da morte de jovem durante festa em Aparecida de Goiânia

O crime aconteceu durante uma festa clandestina em uma chácara localizada em Aparecida de Goiânia

diario da manha
Foto: Reprodução/PCGO

Na última quarta-feira (03), a Polícia Civil (PCGO) por meio do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) efetuou a prisão temporária de dois suspeitos de envolvimento na morte do rapaz de 21 anos, morto a tiros em Aparecida de Goiânia no dia 10 de janeiro durante uma festa realizada na chácara de um vereador do município.

Na ocasião, um dos suspeitos, que têm 27 anos teria efetuado oito disparos de arma de fogo contra a vítima. A arma utilizada no crime é de um outro homem, de 21 anos que também teria auxiliado na fuga do autor dos disparos, segundo as investigações.

Em seguida, de acordo com a polícia, o revólver utilizado para executar o rapaz foi guardado na casa de um terceiro suspeito, de 20 anos que foi preso em flagrante dois dias após o fato. No local, os policiais encontraram uma balança de precisão, dinheiro proveniente de tráfico e aparelhos celulares.

Segundo as apurações, uma guerra entre facções seria a motivação do crime. A vítima estaria repassando informações para uma facção contrária à do suspeito autor dos tiros.

Tanto suspeito de autoria dos disparos quanto o possível ajudante da fuga presos ontem, foram presos de maneira cautelar e encaminhados ao presídio. Agora eles poderão responder pelo crime de homicídio qualificado.

Comentários