Cidades

Operação Carnaval: Mortes por afogamento tem redução de 60%

Houve redução significativa nos números em comparação com o mesmo período do ano passado

diario da manha

O Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBMGO) divulgou na manhã desta quarta-feira de cinzas (17), o balanço da Operação Carnaval, que teve início na sexta-feira (12) e terminou na terça-feira de carnaval (16), e que mostra uma queda de 60% no número de mortes por afogamento nesse período.

Conforme os dados divulgados pela corporação foram registradas 1.302 ocorrências nesse período. E o trabalho foi feito em conjunto com outras forças de segurança do estado, que teve como principal foco evitar aglomerações e medidas de prevenção contra a Covid-19 durante o período que seria comemorado o Carnaval.

De acordo com os Bombeiros a maior parte dos registros foi de resgate pré-hospitalar, com 701 ocorrências, seguida por ações preventivas com 417 e operações de busca e salvamento com 141. O balanço mostra que houve o registro de 25 ocorrências de incêndio durante o período da Operação.

Durante a Operação Carnaval apenas duas mortes por afogamento foram registradas

A corporação afirmou também que foram registradas 26 mortes nesse período, das quais apenas duas foram por afogamento. De acordo com os números divulgados, 3.362 pessoas foram participaram de atividades preventivas ou conheceram maneiras de prevenção através das equipes dos Bombeiros.

Em comparação com 2020, os números mostram uma queda nos atendimentos, o número de mortes por afogamento teve uma redução de 60%, e houve queda de 72,7% de por mortes por arma de fogo e arma branca, e o número de mortes em acidentes de trânsito também registrou uma redução de 42,9% nas rodovias estaduais.

Comentários