Cidades

Criciúma: Assalto ao banco na cidade lembra roteiro de La Casa de Papel

Os criminosos estavam armados de fuzis e uma arma capaz de derrubar uma aeronave

diario da manha

Nesta terça-feira pela madrugada a cidade de Criciúma enfrentou noites de terror em ação de bandidos fortemente armados. Bandidos invadiram a tesouraria regional de uma Agência do Banco do Brasil e os moradores viveram momentos de pânico e terror durante a noite.

Os criminosos estavam armados de fuzis e uma arma capaz de derrubar uma aeronave. Segundo o delegado responsável pelo caso, Anselmo Cruz, pela proporção da ação o crime foi planejado com meses de antecedência, e segundo a dimensão do ocorrido provavelmente os bandidos não são de Santa Catarina.

Com ações dignas de séries e filmes, dinheiro ficou espalhado pela rua devido uma explosão na agência bancária. Moradores da região mesmo correndo risco de vida saíram para recolher o dinheiro espalhado pelo chão. Cerca de quatro moradores foram detidos pela polícia depois de recolherem cerca de R$ 810 mil reais que foi espalhado nas proximidades da explosão.

Na ação criminosa pessoas foram feitas reféns, um vigilante e PM ficou ferido, o Policial Militar precisou passar por cerca de 3 cirurgias. Não foi registrado nenhum óbito na ação dos bandidos.

Na fuga, parte do dinheiro roubado foi deixado espalhado pela rua, não foi informado o valor levado e nem o que foi deixado para trás. Cerca de 30 quilos de explosivo usados no assalto também foram deixados pelos bandidos.

Todo o assalto envolveu cerca de 30 pessoas usando capuzes. O assalto ocorreu por volta dás 23:50 da segunda-feira (30) e durou por volta de 1 hora e 45 minutos. Nas redes sociais vários moradores da cidade compartilharem vídeos dos momentos traumáticos enfrentados pela população.

Comentários