Cidades

Polícia investiga se jovem desaparecida teve o corpo esquartejado e dado para cães

O suspeito do crime foi preso e confessou ter encontrado a jovem, mas ele nega ter cometido o assassinato

diario da manha

Na ultima sexta-feira (30), foram encontrados ossos humanos na região rural de formosa no entorno do Distrito Federal, a polícia civil está investigando o caso para averiguar se a ossada é da jovem Natalia Nunes de Moura, de 26 anos, que desapareceu no dia 1º de outubro.

Segundo as investigações, a jovem está desaparecida há mais de um mês, foi vista saindo com um homem, e, nunca mais voltou para casa, a Polícia Civil que investiga o caso acredita que ela foi esquartejada e teve a metade de seu corpo dada para os cachorros comerem.

De acordo com o delegado, tudo indica que os indícios da ossada encontrada seja realmente da jovem que desapareceu, mas só o resultado da perícia poderá comprovar, os ossos que foram encontrados foram enviado para o instituto médico legal (IML), de Goiânia o resultado do exame sairá em 30 dias.

O suspeito do crime foi preso e confessou ter encontrado a jovem, mas ele nega ter cometido o assassinato, a polícia não divulgou o nome do suspeito que pode responder pelo crime de homicídio e ocultação de cadáver.

Comentários