Cidades

Homem suspeito de se passar por Juiz Federal é preso pela PCDF

A suspeita é de que ele se passava por juiz para enganar pessoas que tentavam adquirir registros de arma de fogo junto ao Exército Brasileiro

diario da manha

Nessa quinta-feira (22), após denuncia de vítimas, a Polícia Civil do Distrito Federal prendeu um homem, de 46 anos, suspeito de se passar por juiz federal para enganar pessoas que tentavam adquirir registros de arma de fogo junto ao Exército Brasileiro.

Segundo a investigação, o suspeito usava uma camiseta com a identificação de Juiz e com o brasão da República Federativa do Brasil. O caso é apurado pela 14ª Delegacia de Polícia (Gama).

Além do Distrito Federal, a suspeita é de que o homem tenha atuado em Goiás e em Minas Gerais. Ele cobrava valores das vítimas, porém, o processo de regularizar a aquisição das armas de fogo não acontecia.

Imagens do suspeito foram divulgadas nas redes sociais. Inconformado, o homem usou a identificação de juiz para gravar um vídeo e informou que tomaria medidas necessárias para punir quem estava o difamando.

Os investigadores tiveram acesso ao vídeo e conseguiram identificar e localizar o suspeito. Ele ainda tentou se passar por membro da Justiça Federal na delegacia, entretanto, foi preso em flagrante.

O suspeito, após ser detido, pagou fiança e deixou a prisão. A Polícia Civil informou que continuará as investigações para identificar possíveis outros delitos cometidos pelo homem. Ele vai responder por uso de documento ideologicamente falso e uso indevido de distintivo militar.

Comentários