Cidades

Profissionais do Hugo recebem treinamento sobre aspiração

Hospital-Escola, unidade reitera o trabalho de educação continuada, que é mantido durante a pandemia, para tratamentos aplicados tanto durante quanto posteriormente o quadro do novo coronavírus

diario da manha

O Hospital de Urgências de Goiânia Dr. Valdomiro Cruz (Hugo), é considerado um hospital-escola e, por esta questão, manter os profissionais em constantes treinamentos é essencial para que o serviço de excelência seja prestado à população. Esta semana e na próxima, os enfermeiros, fisioterapeutas e fonoaudiólogos treinam aspiração endotraqueal por sistema fechado e por sistema aberto.

“Nosso público alvo é enfermeiros, fisioterapeutas e fonoaudiólogos. A intenção não é treinar para o que eles não estejam capacitados, mas sim fazer um treino para que todos estejam, de forma continuada, aptos a todas as situações, já que a nossa educação continuada existe justamente para isto”, esclareceu a coordenadora multiprofissional do Hugo, Letícia Vieira.

Entre as capacitações, estão as duas modalidades de aspiração endotraqueal: aberta, onde a cada aspiração, usa-se um novo cateter, desconectando-se o paciente do ventilador para realizar procedimento. E fechada: o mesmo cateter, mantido protegido por uma bainha plástica, é usado por vezes e não se desconecta o paciente do ventilador.

tags:

Comentários