Cidades

Publicado decreto que reabre comércio em Goiânia de forma gradual

diario da manha
Foto: Reprodução/Dia Online

Depois do prefeito Iris Rezende (MDB) ter anunciado a reabertura gradual do comércio em Goiânia, o decreto que permite o retorno dessas áreas na capital foi publicado na noite da última sexta-feira (29/5). Conforme anunciado pelo prefeito e publicado no decreto a partir da próxima segunda-feira (1º/6) estão autorizado a retornar as atividades as imobiliárias, os mercados municipais e os treinos dos clubes de futebol.

Entretanto existem algumas exceções tanto no que diz respeito as imobiliárias como nos mercados municipais. Embora tenha sido autorizado a reabertura destes, os mercados da Rua 4 e o mercado aberto da 44 ainda não poderão retornar as atividades e as imobiliárias por sua vez também não poderão fazer atendimento presencial neste momento, apenas o trabalho administrativo.

A reabertura dessas áreas só será possível devido a uma nota técnica publicada na noite de ontem pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS). Os ramos liberados deverão seguir o que foi estabelecido pela última nota da SMS, para poder assim retornar as atividades. Em sua justificativa para liberar as imobiliárias e os treinos do clubes de futebol a Prefeitura afirmou que se trata de um publico pequeno e que na sua grande maioria não são usuários do transporte coletivo.

Retorno monitorado

O retorno para o exercício das funções comerciais em Goiânia vai ser liberado de forma gradativa, a partir de um monitoramento dos casos na cidade que será feito pela Prefeitura. Durante a avaliação a SMS vai analisar o risco sanitário, o potencial de aglomeração e a permanência das pessoas nos locais.

O documento vai ser feito todas as semanas e vai contar com os indicadores epidemiológicos, capacidade de assistência social para que a retomada continue na cidade. Caso a fiscalização entenda que as condições da nota técnica não estão sendo atendidas, a medida pode ser revisada a qualquer momento.

O não cumprimento das recomendações pode gera uma multa no valor de R$ 4.705,30, entre as ações a serem tomadas estão o uso de álcool em gel 70%, o uso de máscaras, a limpeza reforçada do local e o distanciamento de pessoas.

*Com informações do O Popular

Comentários