Cidades

Suspeita de furtar certidão de nascimento é presa

Na casa da suspeita foram encontrados vários documentos com fotos diferentes dela, mas todos com o nome da vítima

diario da manha
Foto: Reprodução

Na última terça-feira (3/12), uma mulher foi presa em Luziânia, no Entorno do Distrito Federal, suspeita de furtar uma certidão de nascimento e viver por muitos anos como se fosse outra pessoa.

Segundo a polícia, com a certidão roubada, ela conseguiu retirar novos documentos com o nome da vítima, registrou os filhos usando os dados falsos e chegou a sacar o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) da vítima.

De acordo com a polícia, a equipe ainda não sabe qual é o nome verdadeiro e a idade da mulher, uma vez que ela negou os crimes e insiste em dizer que é a pessoa nominada nos documentos.

A detenção aconteceu mediante cumprimento de um mandado de prisão expedido pela 1ª Vara Pena de Inquéritos de Belém. O delegado Felipe Guerrieri, afirma que a mulher furtou a certidão de nascimento há muitos anos no Pará e, depois fugiu para Goiás, onde assumiu a nova identidade.

Suspeita de furtar certidão de nascimento mudava o corte de cabelo frequentemente

“A vítima achava que tinha perdido a certidão. Há alguns meses, ela foi sacar o FGTS e descobriu que o dinheiro já tinha sido retirado. O caso passou a ser investigado e foi descoberto no sistema o documento com os dados da vítima, mas com a foto de outra pessoa. Ela assumiu uma nova identidade”, explica delegado.

De acordo com a investigação a mulher mudava frequentemente o corte e a cor do cabelo, provavelmente para não ser descoberta. Na casa da suspeita foram encontrados vários documentos, como RG, CNH e Carteira de Trabalho, com fotos diferentes dela, mas todos com o nome da vítima.

O delegado afirma que não sabe o motivo pelo qual a mulher passou a utilizar os dados e viver como se fosse outra pessoa. “A vida dela é uma farsa”, enfatiza. A suspeita está detida no Presídio de Luziânia e aguarda a transferência para o Pará.

Com informações do G1


Comentários

Mais de Cidades

29 de julho de 2019 as 16:33

Nota de Falecimento

15 de maio de 2019 as 15:55

16°CRPM EM AÇÃO

15 de maio de 2019 as 15:53

CPC EM AÇÃO