Brasil

''Tudo bandido'', afirma Mourão sobre mortos na comunidade do Jacarezinho

A operação deflagrada pela Polícia Civil deixou 25 mortos, entre eles um policial. Dois policiais foram atingidos mas tem quadros estáveis

diario da manha
Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil

O vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB) disse, na manhã desta sexta-feira (7), que as 25 mortes na comunidade do Jacarezinho, na última quinta-feira (6) durante uma operação deflagrada pela Polícia Civil, são ” todos bandidos”.

”Tudo bandido! Entra um policial numa operação normal e leva um tiro na cabeça de cima de uma laje. Lamentavelmente, essas quadrilhas do narcotráfico são verdadeiras narcoguerrilhas, têm controle sob determinadas áreas e é um problema da cidade do Rio de Janeiro”, afirma Mourão.

Segundo o general, as Forças Armadas já foram chamadas várias vezes para intervir. ”É um problema sério da cidade do Rio de Janeiro que vamos ter que resolver um dia ou outro”, completou.

Durante o intenso tiroteio na comunidade, 25 pessoas foram mortas e entre eles um policial, além de dezenas de pessoas que ficaram feridas. Dois policiais também foram atingidos de raspão no braço e panturrilha e têm quadros estáveis.

Comentários