Brasil

Churrasco de Bolsonaro tem picanha de R$ 1.799,99 o quilo, diz jornal

diario da manha

No último domingo (9), o presidente Jair Bolsonaro realizou um churrasco no Palácio da Alvorada para comemorar o Dia das Mães. O evento contou com cerca de 10 pessoas e o preço da picanha servida chamou atenção.

De acordo com a Folha de S.Paulo, a picanha de gado da raça wagyu, de origem japonesa, custou R$ 1.799,99 o quilo. Uma peça tem em média R$ 350 g e custa cerca de R$ 600.

Leia também: PF procura 15 por fraudes financeiras de R$ 2,5 bilhões e afasta delegado

Bolsonaro contratou um churrasqueiro de Belém do Pará, que atende pelo apelido de Tchê ou ‘Churrasqueiro dos Artistas’. Ele posou ao lado do presidente e dois pacotes de carne que na embalagem consta uma charge do presidente.

A foto foi publicada no perfil do ‘Frigorífico Goiás’ com a legenda: “Picanha Mito”. Ainda segundo a publicação, que ligou para o frigorífico, a peça estava em falta. No entanto, ainda era possível comprar a mesma carne com outra embalagem e o mesmo preço: R$ 1.799,99 o quilo.

Festa de dia das mães contou com ministros de Estado e alguns artistas.

Leia também: “Orçamento secreto” Bolsonaro teria destinado R$ 3 bi para conseguir apoio do congresso, diz jornal

Comentários