Brasil

Caricaturista Lan morre aos 95 anos

Ele estava internado desde o último dia 26 de setembro no Hospital SMH Beneficência Portuguesa de Petrópolis. A unidade de saúde confirmou a morte do chargista às 22h35 e lamentou o ocorrido

diario da manha
Foto: Felipe Vasconcellos

O caricaturista italiano Lanfranco Rossini, conhecido como Lan, morreu ontem (4) aos 95 anos, em Petrópolis, Rio de Janeiro, devido à uma pneumonia. Ele estava internado desde o último dia 26 de setembro no Hospital SMH Beneficência Portuguesa de Petrópolis. A unidade de saúde confirmou a morte do chargista às 22h35 e lamentou o ocorrido. As informações são do G1.

Conforme a reportagem, a carreira de Lan abrange trabalhos como jornalista gráfico em países latinos como Argentina e Uruguai. Também exercitou sua arte em Paris. No entanto, se consolidou no Brasil. No território brasileiro esteve nos jornais O Globo, Jornal do Brasil e Última Hora.

De acordo com a matéria, durante 45 anos vivia em Petrópolis, região Serrana do Rio, com a esposa, Olívia Marinho. Lan mantinha em sua casa, situada em Pedro do Rio, um ateliê. O local conta com mais de cinco mil caricaturas. As charges de Lan costumavam retratar samba e mulheres.

Foto: Arquivo Pessoal

Comentários