Brasil

Grupo armado troca tiros com a polícia durante assalto a banco em Botucatu

Dois policiais foram baleados durante o confronto e não correm risco

diario da manha
Foto: Reprodução

Agências bancárias de Botucatu no interior de São Paulo foram invadidas na noite da última quarta-feira (29/7) por um grupo de ladrões, e causou pânico na cidade, pois na ocorrência houve troca de tiros entre os indivíduos e a equipe policial.

Conforme a publicação do portal de notícias G1, durante a troca de tiros dois policias foram feridos, e não corre risco de morte. A publicação mostra ainda que os suspeitos invadiram as agências por volta das 23h30 e durou mais de três horas.

Equipes do Grupo de Operações Especiais (GOE) e da Rota foram chamadas para atender a ocorrência, a polícia fez patrulhamento pela região, mas até o momento nenhum envolvido no crime foi preso.

Ao menos três agências foram alvo do grupo armado

Ao menos três agências foram atacadas pelo grupo, em uma ação coordenada dos indivíduos, com os bancos situados na região central da cidade. Foram usados explosivos para destruir as agências, no entanto a polícia ainda não tem informações se foi levada alguma quantia em dinheiro durante a ação do grupo criminoso.

Segundo o periódico, os moradores da região, afirmaram ouvir um intenso tiroteio em diversos pontos de Botucatu, e que o barulho dos tiros durou mais de duas horas.

De acordo com o que foi divulgado o grupo que participou da ação, tinha ao menos 40 homens mascarados, armados e com coletes a prova de balas. Moradores da região chegaram a ser feitos reféns, mas não foi divulgada nenhuma informação sobre feridos, a não ser os dois pms baleados.

Além de atirar contra a equipe policial, o grupo de assaltantes queimou uma caminhonete na frente de um prédio, com o intuito de dificultar a saída da equipe policial. Na fuga os suspeitos deixaram para trás explosivos que não chegaram a ser detonados e equipes do Gate foram até a cidade para recolher o material.

Comentários