Brasil

Moradores da comunidade Morro do Adeus, Rio, são submetidos a cadastros por quadrilha

Traficantes que invadiram a comunidade Morro do Adeus, no Rio de Janeiro, estão submetendo os moradores da comunidade a um cadastro, a fim de ter o controle total de quem vive na comunidade

diario da manha
Foto:; Márcia Foletto

Traficantes que invadiram a comunidade Morro do Adeus, no Rio de Janeiro, estão obrigando os moradores da comunidade a um cadastro, a fim de ter o controle total de quem vive na comunidade. Assim, os moradores são fotografados, coagidos a relacionar a quantidade de pessoas que moram na residência, além de listarem as famílias que tem carro ou internet.

A quadrilha, comandado por Piu, há um mês e meio, desbancou a maior facção criminosa do Rio ao invadir a comunidade que tem até uma Unidade de Policia Pacificadora (UPP).

Na disputa pela venda de drogas no território, Piu, nascido e criado no local, , invadiu o Morro do Adeus ajudado com orientações, fuzis e pistolas, pelos “cabeças”do tráfico de drogas da Vila dos Pinheiros, Thiago da Silva Folly, o TH da Maré, e do Morro da Serrinha, Wallace de Brito Trindade, o Lacosta.

Apesar de já ter sido preso três vezes,o mais incrível é que não há nenhum mandado de prisão contra ele, apesar de ter condenações e responder a processos. Mas na semana passada a UPP prendeu três homens de sua quadrilha. Mesmo assim, a guerra na disputa por território para a venda de drogas no Morro do Adeus continua.

Com informações do Extra

Comentários